sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Sabem aquelas pessoas que são muito organizadas e que estimam tudo o que têm? Bom, eu sou assim. Ou era, já nem sei bem. Até o meu irmão ir para a escola, sabia onde podia encontrar cada caneta que tinha. Ou borracha. Ou compassos. Ou, ou, ou... Depois do miúdo "desviar" tudo o que era meu, nunca mais voltei a ver aquela caneta que adorava, ou a lapiseira que x me deu.
Lembrei-me deste facto recentemente, quando precisei de um compasso para usar ma construção do Bullet Journal e não tinha nenhum. Minto, o compasso existe, todo partido mas existe. Eu devia de exigir ao adolescente cá de casa um compasso, as canetas e marcadores da Stabilo e a paciência que gastei com ele até hoje.

Sem comentários:

Enviar um comentário